BIENAL EDUCAÇÃO CULTURA #1
#293
ALDEIAS VIVAS COM MEMÓRIA
P artindo de festividades e de ciclos naturais a elas associadas, convocam-se, para encontros informais, diferentes gerações, visando a partilha de memórias individuais, experiências e conhecimentos. O projeto pretende criar um sentimento de pertença e uma identidade cultural num mundo em mudança. Assente na herança cultural das comunidades, pretende-se reforçar o papel do património e das artes na construção de uma consciência histórica. Nos encontros, será incentivada a partilha de histórias, lendas, canções e danças associadas a esses ciclos anuais, colocando em diálogo diferentes gerações e diferentes mundivisões. Participam nestes momentos alunos do Agrupamento de Escolas de Arouca, elementos de Associações Culturais do Concelho de Arouca, participantes do projeto DESenvelheSER (iniciativa promovida pelo Município de Arouca, em parceria com o Centro Juvenil Salesiano, que tem vindo a capacitar alguns seniores arouquenses para se tornarem ‘mestres’ com um papel ativo junto da comunidade mais envelhecida) e ainda a comunidade em geral. A partir do convívio, partilha e diálogo intergeracional pretende-se, também, construir uma performance pública que envolva os participantes num caminho de descoberta (multi)cultural, em que a Contradança ou o Vira podem dialogar com outras danças, o Canto polifónico com o Hip-Hop ou a tradição oral com o mundo digital. Todos são bem-vindos.
Património
Direção Artística

Luis Monteiro
Daniela Leite Castro
Armando Dourado
Helena Queirós
Maria Cláudia Monteiro
Público-Alvo

Todas as idades

18 maio
Museu Municipal de Arouca
Rua Eça de Queirós, 4540-194 Arouca


Promotor
Núcleo de Etnografia e Folclore da Universidade do Porto - NEFUP

Parceiros
Museu Municipal de Arouca
Câmara Municipal de Arouca
Agrupamento de Escolas Arouca
Centro Juvenil Salesiano de Arouca, Associação Cultural e Recreativa
Casa Comum, Unidade de Cultura da Reitoria da Universidade do Porto